Sexta-feira, 19 de Agosto de 2005

Incerto Parte VIII

O seu corpo começou lentamente a sair do sono, esticou-se suavemente, saindo da sua posição, deu a sensação de estar a ver uma flor a desabrochar quando sente os primeiros raios do quente sol pela manhã, espreguiçou-se, abriu a boca, passou uma das mão pelos olhos, viu-me ali, sentado apenas a contemplar tal visão e sorriu.

– Bom dia! Apesar de a noite já ir longa! – disse-lhe com um sorriso e um piscar de olhos.

– Bom dia para ti também lindo!

– Que bom é saber que posso chegar a casa e ter um anjo a dormir nela.

– Desculpa! – disse ela corando – Não queria adormecer, mas enquanto esperava deu-me o sono e acabei por fechar os olhos e....

– Não têm mal nenhum, podes dormir por cá sempre que quiseres!

– Gostastes da surpresa que fiz para ti?

– Qual surpresa? – perguntei eu espantado.

– Não entrastes em tua casa?

– Não, estava farto e quis um pouco de descanso, por isso vim logo para aqui!

– Farto de ser...... seguido?

– Sim, gostava que ele larga-se o meu pé, não sei, fosse chatear outro, parece que não faz mais nada na vida.

– E não faz, a vida dele é ser patrão e pelo que sei há mais de um mês que não vai ás oficinas.

– Desde que o detective viciado em pregos foi despedido por ele em plena rua, talvez?

– Graças a esse despedimento estou aqui hoje.

– Então agradece-me!

– Claro que te agradeço, tens é que te chegar mais perto, esta cadeira é tão confortável.

Cheguei mais perto e fui recebido com o doce sabor dos seus lábios nos meus, há momentos que deveriam de ser eternos e este é um desses momentos.

– Então e como é que entrastes?

– Olha que difícil, logo no primeiro dia em tua casa, andava há procura de uma faca na cozinha, quando para espanto meu encontro dois porta-chaves iguais e com as respectivas chaves, comparei com as que me tinhas dado e vi que eram as mesmas, peguei numa delas e pus na mala, nunca se sabe quando seriam precisas. – respondeu ela piscando um dos olhos e voltando a beijar-me.

– Fizestes bem, também nunca as uso assim pelo menos servem para alguma coisa, nem que seja para ter o prazer de ter um anjo de olhos verdes a dormir em minha casa.

Ela esboçou um sorriso e beijou-me uma vez mais, depois sussurrou-me suavemente ao ouvido, “Tenho fome, anda comer qualquer coisa!”, sorri, levantei-me, depois dei a mão para a levantar a ela, abri a porta da arrecadação, ainda de mão dada, transpuse-mos a porta, deixa-mos que ela se fecha-se atrás de nós, fica-mos no pequeno corredor a trocar beijos, seguidamente descemos as escadas que davam acesso há minha casa e quando chegámos ao andar debaixo ficámos estáticos ao ver o marido dela parado em frente há minha porta mas a olhar para nós a única coisa que fiz foi largar a mão dela e gritar um “Corre!”, que ela assim fez precipitando-se a correr pelas escadas e eu corri para ele dando-lhe uma cabeçada no estômago, fazendo com que nós os dois nos estatelasse-mos no chão, mas ele é bem mais forte, passando rapidamente para cima de mim, depois socou-me duas vezes bem rápidas que felizmente apenas me acertaram nos braços que pus há frente da cara para me proteger, mas nada pude fazer contra os murros que me acertaram no estômago, tentei protege-lo de mais investidas , mas desprotegi a minha cara passando a ser agora um pobre saco indefeso, enquanto apanhava só pensava se estaria tudo bem com ela mas nisto todo o corpo dele caiu em cima do meu, abri com dificuldade os olhos e vi-a em pé com um ferro na mão, acho que me estava a dizer algo mas não sei porquê nada ouvi, depois fechei os olhos e comecei a sonhar.

publicado por Pinheirinho às 23:32
link do post | comentar | favorito
|

.Facebook

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 15 seguidores

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.links

.Maio 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


.pesquisar

 

.posts recentes

. O mundo não é só Chris Co...

.arquivos

. Maio 2017

. Fevereiro 2017

. Abril 2016

. Fevereiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Junho 2015

. Novembro 2014

. Junho 2008

. Março 2006

. Janeiro 2006

. Outubro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

.tags

. todas as tags

.favoritos

. E é isto, apenas isto que...

. Agora percebo a lógica do...

. Às vezes é preciso desaba...

. O menor de dois males

. Rumo ao Penta!

. Umas equipas jogam com re...

. Ontem não estive lá

. Só no futebol de passa de...

. Mais uma anedota da (des)...

. Fantasy Champions League

.Blogs Portugal

.blogsportugal

SAPO Blogs

.subscrever feeds